Xian: a cidade que já foi a maior do mundo!

Hoje o post é da Bianca, nossa colaboradora que mora na China. Ela conta sobre uma viagem muito legal que fez para a cidade de Xian.

_________________________________________

Bianca

Minha última viagem aqui na China foi para Xian, uma das cidades mais antigas e que foi um dia a maior cidade do mundo. A cidade é repleta de histórias as quais contam a mudança e o desenvolvimento do país. O livro de Marco Polo cita estas histórias.

Xian tem mais de   3.000 anos e foi lá onde começou a Rota da Seda. Essa “pequena cidade chinesa”, com 8 milhões de habitantes, entrou no mapa turístico quando um fazendeiro descobriu a localização secreta do mausoléu Qin e apresentou para o mundo os guerreiros de terracota. Desde 1999 (ano em que foi aberto ao público)  recebe turistas de todo o mundo, curiosos para descobrir Xian que por um longo período rivalizou com Roma e Constantinopla pelo poder e influência política.

Todo o centro da cidade é cercado por uma muralha que é considerada a maior e melhor conservada muralha na China. Foi construída na Dinastia Ming, no ano de 1370. A circunferência é de 14 quilômetros e altura 12 metros.
Aqui estamos em cima da muralha. De base ela tem 18 metros de largura. Aqui no topo tem 15 metros de largura.
O centro da cidade é parecido como a maioria das cidades chinesas: muita gente, shoppings, lojas, restaurantes, construção, carros, jardins e muuita poluição.
Esses são os famosos guerreiros de terracota. Essas figuras de cerâmica, de tamanho natural, foram moldadas em argila amarela para guardar a sepultura de Qin Shi Huangdi. Ele foi o primeiro Imperador a unir a China sob a mesma dinastia. Faleceu há mais de 2 mil anos e a principal missão dos guerreiros era zelar pelo Imperador no além. Os chineses acreditavam na continuação
da vida na terra após a morte.
Eu e os guerreiros de terracota.

A complexidade é espantosa, principalmente na cuidadosa execução de penteados, face, tamanho, corpo e detalhes como cinto, roupas e calçados. São mais de 7 mil soldados, um diferente do outro. O Imperador não poupou gastos recrutando 700.000 trabalhadores, durante mais de 36 anos para construir seu túmulo.

As figuras foram pintadas em cores vivas. Algumas conservam traços de tinta, mas a maioria perdeu a cor em contato com o ar.

O trabalho de escavação e restauração dos guerreiros continua até hoje. Cada guerreiro é único e em alguns casos são tão perfeitos que tivemos a impressão que alguns foram construídos novos e não restaurados. Dizem que a terra em Xian é repleta de tesouros e para escavar é necessário solicitar autorização.

De volta à cidade fomos passear no bairro muçulmano. O lugar é repleto de lojinhas, vendedores, comidas das mais diferentes formas e cheiros, mesquita, homens de chapéu muçulmano e mulheres com lenço na cabeça. No início estranhei ver tantos chineses muçulmanos, assim como estranhei ver tantos coreanos cristãos em Seoul. O Islã veio para a China trazido por comerciantes árabes e persas na época da Rota da Seda.

Mas para ser sincera, não desmerecendo a cidade, os guerreiro e toda sua interessante história, o mais divertido na minha opinião foi o hostel (albergue).  Para quem curti hostel eu indico especialmente o barzinho.
Para quem quiser informações sobre ele, clique aqui. Este hostel está entre os melhores que já ficamos na China.

E para finalizar nossa galerinha no barzinho do hostel.

Para saber mais sobre a Bianca e outros colaboradores do blog, clique aqui.

6 comentários em “Xian: a cidade que já foi a maior do mundo!

  • julho 16, 2012 em 11:23 am
    Permalink

    Bianca, estou adorando conhecer a China através dos teus posts. Cada vez mais me interesso por este país.
    Beijos,

    Resposta
  • julho 16, 2012 em 3:29 pm
    Permalink

    Esse pedacinho de muralha, é o mesmo da famosa Muralha da China? Ou cada cidade histórica tem uma muralha?
    Vixi, faltei aula de história…

    Resposta
  • julho 23, 2012 em 6:35 pm
    Permalink

    Meninas, parabéns pelo blog, é simplesmente maravilhoso! Estou aqui me deliciando com vários e vários posts sobre o México, onde vivi por 7 meses e sobre os EUA, para onde acabei de me mudar. Aliás, estou pertinho da Patrícia. Comecei com dois blogs agora e o blog de vocês está na miha lista de leituras! Espero que possamos trocas várias idéias e dicas. Beijo grande

    Resposta
  • agosto 4, 2012 em 12:16 pm
    Permalink

    Que legal o seu texto, Bianca. O meu marido já viajou 3 vezes pra China, e ao mostrar o blog pra ele, reconheceu cada um de vocês na foto 🙂
    Um abraço e sucesso aí!

    Resposta
  • agosto 31, 2012 em 12:45 pm
    Permalink

    Mundo pequeno hein! Sou amigo do Cristian, um cara de camiseta preta na ultima foto. E parabéns pelo relato. Muito interessante. Marcelo – Floripa

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *