Categorias: Suíça (comida)

Quem quer pão?

Neste inverno loooongo daqui do hemisfério norte, uma das coisas que mais se tem vontade de fazer é comer. E aqui comemos muito bem. Tá certo que a carne é cara, que certos produtos brasileiros não conseguimos encontrar, mas algumas especialidades suíças eu adoro. Não irei falar dos tradicionais fondues, dos chocolates. Irei escrever sobre algo que é (pelo menos para mim) indispensável com um bom café: o pão.

Sou fissurada por café com pão. Isso significa que quando acordo, se não comer, eu não sou eu. E aqui na Suíça estou em casa. É uma variedade muito grande de pães. Em nenhum lugar onde morei antes no Brasil eu vi algo assim. Além dos tradicionais pães fatiados, existem muitos outros com ingredientes deliciosos.
Na minha infância só lembro de que havia aqueles pães grandes, inteiros. E eles eram embalados num saco de papel. E é assim aqui também. Está certo que eles ficam secos mais rápido, mas para mim são os mais gostosos.

São pães para todos os gostos. Tem pão de manteiga em forma de trança, de azeitonas pretas, tomate seco com manjericão, de tomate com alecrim, de nozes, de aveia, de semente de abóbora e de abóbora mesmo, de milho, de marroni (não é o cantor. Marroni é tipo um pinhão, só que doce). Claro que já provei todos. Os meus preferidos são os de manteiga e o de azeitonas pretas.

Pão de azeitonas pretas (Fonte: http://kunds.twoday.net/)
Pão de nozes, de aveia e de semente de abóbora

Num mercado aqui eles fazem todo mês um tipo de pão diferente que é o pão do mês. E este pão fica em evidência na padaria, em destaque, e é possível degustá-lo.
Agora eu pergunto, como é possível emagrecer com tanto tipo de pão gostoso assim??? Vou pensar nisso quando o verão chegar!!!!

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

12 comentários

  1. Aiii Ana, que tarefa complicada essa de emagrecer na Suiça, rsrs.
    Tbm sou apaixonada por esses paes, provo um diferente a cada semana. Sempre falo pro marido que vou fazer pão em ksa, mas quem diz que da vontade, com tanta variedade assim?
    O jeito vai ser esperar o tempo esquentar um pouquinho, e de-lhe caminhada logo cedo, pra perder uns kilinhos.
    Bjos.

    1. Olha regi….eu caminho bastante e ainda empurrando o carrinho com a minha filha….mas não tá adiantando. Acho que não estou caminhando muito (comendo muito não né???hahah). Ou seria o metabolismo que muda aqui no hemisfério norte?? 😛
      Beijos,

  2. Ana, te entendo completamente! Bom, na minha breve estadia na sua casa, pude perceber que todos os pãezinhos e tipos de queijos da Suíça me fariam uma pessoa “alimentarmente” feliz morando aí. Eu opino que vc pode gastar muitas calorias interpretando as máquinas de lavar, comprando em Zürich ou brigando com o alemão (o idioma, hehehe), só para não deixar de se deliciar com os divertidos pãezinhos! Bjãooo!

  3. Oi Ana, tudo bem?
    adorei ler seu post sobre os pães daí!!! Se o Guilherme fosso te visitar ele estaria “bem servido”, pois ele AMA comer pão… se ele não quer a comida é só eu dar um pão junto que ele come tudo…. rsrsrsrs, acho que vou até investir numa padaria!!! hahahaha.

    bjão,
    Andréia

  4. Oi Ana, que bom saber disto. Na Inglaterra, comprava um brioche frances delicioso no supermercado, mas aqui nos EUA, fiquei frustada com paes. Vc so encontra de hamburguer e cachorro-quente (obvio) ou pao de forma. Qdo chegar ai na Suica, quero conhecer o mercado que faz o pao do mes. Adorei a ideia. Bjs

  5. Oi Aninha!!!Noooossa também amo pão…e chocolate claro…Estaria me dando bem com a comida daí…rsrsrsrs…Depois voltaria rolando…
    Mas me deu agora uma vontade comer este pão de nozes, aveia e semente de abóbora…quentinho…hummm…Beijos!!!