Categorias: Escola, Suíça (curiosidades & diferenças), Uncategorized

As férias escolares e suas regras

Eu já tinha escrito neste post aqui sobre as férias, contando que elas são de 5 semanas no verão e 15 dias na primavera, no outono, no inverno e no natal/ano novo. Enfim…um monte, né? Pois é…com a entrada da Ana Julia no Kindergarten, sabíamos que provavelmente teríamos que mudar nosso tempo de férias no Brasil. A gente sempre vai no fim do ano, em dezembro, e passamos natal e ano novo com a família. E geralmente ficamos 4 semanas.

Só que as regras para as férias são assim:

– as professoras tem a autoridade de liberar a criança das aulas por 2 dias, ou 4 meio turno, por ano. Isto é, se eu quiser estender um fim de semana ou feriado, posso pedir para as professoras mais dois dias além dos dias normais de folga.

– para quem deseja mais que 2 dias, como é nosso caso quando vamos para o Brasil (já que é um período onde são só 15 dias de férias), é preciso preencher um formulário para justificar os dias a mais que se quer. Este formulário será analisado pelo Conselho Escolar (Schulpflege*) e será liberado o tempo solicitado ou não. No nosso caso, pedimos mais 2 semanas de férias para a Ana Julia e eles liberaram ela para viajar.

ANA_0476
O formulário com a aprovação do Conselho Escolar, dos dias solicitados. Uma cópia fica na escola e outra fica com os pais.

Isto é, minha filha não pode faltar aula sem uma justificativa. Se ela estiver doente, eu ligo para a professora e informo sem precisar enviar nenhum atestado médico. Existe aqui a confiança de que realmente ela está impossibilitada de ir para a escola. Por outro motivo que não seja doença, preciso pedir a permissão. Caso contrário, eu pago multa de 600 francos. Se houver reincidência, o valor vai para mil francos.

Na cidade de Wetzikon, no cantão de Zürich, um casal pediu uma semana a mais de férias no verão. Eles queriam ir para os EUA, onde uma das filhas participaria de um acampamento. Porém, o conselho escolar negou e eles alegaram então que as crianças teriam aulas em casa, dadas por eles e com orientação da escola (isso é possível no cantão de Zürich, por um período limitado). A viagem foi descoberta e eles foram processados por violação intencional ao direito de ir para à escola. Resultado: a justiça cantonal multou eles em 4.700 francos. Eles recorreram à justiça federal.

Porém, a gente não contava com a astúcia do conselho escolar que as regras para solicitar mais dias de férias seriam alteradas justamente quando a Ana Julia começasse o kindergarten. Então agora funciona assim: se os pais querem estender mais dias ou semanas de férias (somente para as férias de verão não são liberadas, já que neste período são 5 semanas de folga), podem pedir no MÁXIMO 3 vezes. Estas 3 vezes são válidas até a criança terminar a sexta série da escola primária. Como nós já pedimos 1 vez, nos resta mais duas chances. Então gente, é o seguinte<. estamos pensando seriamente em passar o natal e ano novo aqui e deixar para irmos ao Brasil nas férias de inverno da Ana Julia (geralmente em fevereiro). Até porque, o preço das passagens no fim do ano é outro agravante. Claro que daí pediríamos os 2 dias que as professoras podem liberar para contar mais tempo. Nestas horas, qualquer meio período já é bastante. (só para esclarecer, minha família e a do marido moram a 700km de distância uma da outra –  Sta Maria/RS – Criciuma/SC)

Mas daí pode ter alguém que faça a pergunta: “Mas por quê não aproveitam as férias de julho para irem ao Brasil?”. A resposta é bem simples: Nem em sonho eu passar por 2 invernos no ano. No Rio Grande do Sul o frio é de doer e calefação é coisa ainda nada comum. Por isso todo este desespero esquema para ver qual época conseguimos conciliar passagem barata com mais dias de férias.

Nem tudo é perfeito!

*Schulpflege: Este conselho é formado por 5 pessoas da comunidade e não necessariamente são da área pedagógica. A maioria dos integrantes são filiados a partidos políticos e tem por objetivo cuidar da parte de infra-estrutura das escolas, currículo escolar, desenvolver planos de ação juntamente com a diretoria das escolas, entre outras atividades. Existe uma eleição para este conselho.

** Quero lembrar que as regras escolares podem mudar de cantão para cantão e as decisões do conselho escolar, de cidade para cidade.

***Regras válidas para as escolas públicas.

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

8 comentários

  1. nossa….nunca imaginei que fosse assim! nós tbm costumamos ir ao brasil em janeiro por causa do verão… sendo assim…. vamos ter que repensar tudo isso…

    1. oi Claudia, as datas das férias escolares depende de cada cantão. Mas independente dos dias, em toda a Suíça acontece assim: 2 semanas de férias nas estações: primavera, outono e inverno; 2 semanas no natal e ano novo e 5 semanas no verão.

  2. Olá Ana Luísa. Já lhe escrevi de uma outra vez e adorei o seu esclarecimento. Por isso volto a fazer novamente 😅. Indo nós para a Suíça e a minha filhota ingressar no 8 ano quais são as férias escolares dela? Estou muito receosa, pois irei trabalhar num hotel e provavelmente só terei férias em Abril e Novembro….. Tenho medo de não ter férias nenhumas com ela. Beijinhos

    1. oi Carina, as ferias escolares depende do cantão que voces forem. Cada cantão define os dias. Você consegue esta informação no site da escola da cidade que você vai morar, no caso, Gstaad. Abril normalmente acontecem as ferias de primavera. Em novembro, realmente não tem férias nas escolas. Ok? Abraços