Voltando à infância! E de bicicleta!!!

Eis que de uma herança (esta é uma das formas de se desfazer das coisas aqui, quando se volta para o Brasil) de amigos – Adriana e Yales, olhem eles aí de novo – que já era herança de outros amigos, a gente ganhou duas bicicletas. Ano passado eu achava minha filha muito pequena ainda para ir de carona, mas neste ano resolvi que iria levar ela para passear comigo. Só que agora de bike.

E nunca é tarde para relembrar a infância né? Pois então, nestes últimos dias tenho lembrando bastante da minha. Agora, para levar e buscar a filha para a escola, nunca pensei que uma bicicleta poderia me fazer tão feliz.

Aqui na Suíça é bem tranqüilo andar. Já escrevi este post sobre a magrela, mas neste quero mostrar por onde vou quando ando nela.

Primeiro preciso comentar que perto da minha casa há várias plantações. Isso é muito comum por aqui. Porém, os proprietários das terras ganham um valor do governo para que deixem um espaço, uma estrada, para os ciclistas poderem andar, sem ter que passar pelas ruas.

Plantação de milho e trigo.

Existem sim ciclovias e quem está de bicicleta é muito respeitado pelos motoristas. Mas temos estas opções que são uma maravilha para passear.

Saio de casa e logo passo por uma plantação de milho, tomate e trigo. Nem parece que estamos na cidade. É como se me transportasse para longe do movimento, do agito. Mas logo ao lado está a estrada e os prédios.

Pessoal de bicicleta e caminhando.
Todo mundo aproveita o lugar!!!
Os prédio e casas atrás da plantação

Passo por uma parte residencial e depois num caminho estreito por dentro da mata, ao lado do rio Limmat.

A parte residencial do caminho.
No meio da mata, ao lado do rio Limmat
O rio Limmat embelezando o trajeto!

Minha filha adora andar de bicicleta. Dá risada sozinha!! E acho que isso é que me anima ainda mais!
Preciso falar que ela vai numa cadeirinha com cinto e apoio para os pés. E mais capacete e óculos. Os óculos é para que nenhum mosquitinho entre no olho. E ela adora esta função toda!

Marido e filha. Este foi o primeiro passeio de bicicleta. Estávamos reconhecendo o território.Ela ainda sem capacete.

O problema mesmo é a volta para casa, que é subida. Aí meu amigo, o tal “sebo nas canelas” não dá conta. A primeira vez que fiz este caminho, cheguei em casa com os bofes para fora. Também, a pessoa demora para andar de bicicleta, mas quando resolve né!! Quer andar tudo num dia e ainda conseguir caminhar no outro!!!

Tem momentos que reviver a infância dão uma grande satisfação, mas o corpicho da pessoa já não guenta mais tanta emoção e esforço físico!!!!

Um comentário em “Voltando à infância! E de bicicleta!!!

  • julho 19, 2011 em 4:32 pm
    Permalink

    Ana!!!!Até eu fiquei com vontade…num caminho delicioso desses…e carregando um tesouro???
    Tô nessa!
    E que rio maravilhoso…só de olhar já refrescou o inverno de 30 graus em Campinas!!!!Beijo grande!

    Resposta
  • julho 19, 2011 em 4:39 pm
    Permalink

    Lu….tô amando fazer este caminho. A Ana Julia se diverte prá caramba. Além do esforço de andar na bike, tenho 15kg de pura gostosura na carona!! 🙂
    Beijão!

    Resposta
  • julho 19, 2011 em 7:39 pm
    Permalink

    Ana, que paisagem ma-ra-vi-lho-sa!!! É complicado como nos acomodamos né Ana? Delícia de lugar….adorei o post. Bjus proceis

    Resposta
    • julho 19, 2011 em 8:36 pm
      Permalink

      oi Elaine, realmente é muito bonito o caminho que faço. Existem outros, mas este para mim é o melhor!!!
      E depois de tanto tempo sem exercício físico, estou aprendendo a lidar com as dores musculares…hahahah
      Beijos,

      Resposta
  • julho 20, 2011 em 9:13 pm
    Permalink

    n te vejo passeando em um lugar tao bucólico e calminho!!!
    mas vai lá! continue firme!!!
    bjos

    Resposta
    • julho 21, 2011 em 7:40 am
      Permalink

      hahahah pois olha o que não faz um longo tempo de Hausfrau hein?? cruzes….até de lugares assim acabei gostando.
      Também, aqui quase todos os lugares que se olha tem um campo….me obriguei!!! 😛 hahahaha
      Beijão

      Resposta
  • julho 25, 2011 em 8:11 pm
    Permalink

    Oieeee, primeiro, que legal ver as “magrelas” de volta a Ativa, e mto bom ver minha amiga se exercitando e mandando ver. Lindos os caminhos…Bjos no coração.

    Resposta
    • julho 26, 2011 em 7:39 pm
      Permalink

      Minha amiga Adriana….mais uma vez vcs nos ajudando e mesmo depois de um ano que estão no Brasil….minha nossa. Não tenho palavras para agradecer. Beijão

      Resposta
  • julho 30, 2011 em 10:34 pm
    Permalink

    Ana, descobri este blog hoje por acaso. Também sou gaucha e estou morando na Suiça. E, como você, estou redescobrindo a infância em cima de uma bicicleta. Estou conhecendo a Suiça nos slowup (www.slowup.ch) que tenho participado. Amei os seus post…ainda nao li todos…mas me deram saudades do nosso querido Rio Grande do Sul. Um beijo.

    Resposta
    • agosto 1, 2011 em 11:13 am
      Permalink

      Que legal que vc nos “encontrou”. Mais uma gaúcha por aqui. Que maravilha!!! Eu não conhecia ainda o site do Slowup, obrigada por ter mencionado. Sempre é bom aprender algo mais sobre a Suíça. Adorei! Beijos,

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *